sábado, 12 de março de 2011

A TORRE NEGRA (The Dark Tower) – De Stephen King

O Homem de preto fugia pelo deserto e o pistoleiro ia atrás”, é assim que inicia uma das grandes sagas da literatura.
A Torre Negra é uma história de suspense, ficção, fantasia, escrita por Stephen King dividida em 7 volumes. Cada livro tem de 200 a 800 folhas totalizando umas 4 mil paginas. Stephen começou a escrever esta historia em sua juventude. Aos 19 anos teve a idéia e aos 22 anos quando estava na faculdade já havia rascunhado o primeiro livro, em 1970. O poema de Robert Browning “Childe Roland to the Dark Tower Came” foi uma das suas fontes de inspiração, como também o livro “O Senhor dos Anéis” de J.R.R.Tolkien. O personagem principal Roland foi inspirado em um papel de Clint Eastwood no filme “Três Homens em Conflito”. Stephen ficou anos sem escrever a continuação deste conto. Neste intervalo escreveu outros livros, muitos destes viraram filmes como: Carrie a Estranha, A Espera de um Milagre, Christine – o carro assassino, Um Sonho de Liberdade, Zona Morta, Cemitério maldito, entre outros, em torno de 40 livros de Stephen foram adaptados para o cinema.
Stephen terminou A Torre Negra em 2004, anos depois de iniciá-la. O autor considera a Torre Negra como a obra de sua vida onde todos os mundos que criou nos demais livros se encontram. Realmente ao ler A Torre Negra é possível encontrar personagens de outros livros do autor e a obra atinge seu ápice quando o personagem principal encontra o próprio Stephen King para (como diz Roland) “palestrar”, conversar. Nos últimos livros da torre o autor ainda mescla fatos reais de sua vida com a vida dos personagens. Um exemplo é a cena em que Stephen King é atropelado por uma Van o que realmente ocorreu na vida real o que o deixou manco, na ficção ele é salvo por seus personagens. Na obra há referências a lendas Arturianas, senhor dos anéis, músicas, filmes, etc.
A Torre Negra conta a história de um mundo (mundo médio) que “seguiu adiante”. O personagem principal é um pistoleiro, o último da linhagem, daqueles que encontramos nos filmes de faroeste, teimoso, misterioso, com seus revolveres com cabo de sândalo na cintura, capaz de sacá-los e derrubar seus inimigos em questão de segundos com sua mira perfeita. Roland Deschain ou Roland de Gilead e sua busca incansável à Torre Negra, sua obsessão.
Roland é acompanhado por personagens que encontra em outros “quandos” (outras épocas ou mundos) viajando através de portas mágicas achadas pelo caminho. Há 4 personagens que acompanham o pistoleiro durante quase toda história: Eddie Dean um ex-dependente químico, Susannah uma mulher paraplégica com dupla ou talvez tripla personalidade, Jake um menino, e Oi uma mistura de cachorro-guaxinim do mundo médio com habilidade de repetir silabas ou pequenas palavras. Juntos partem em busca da Torre Negra. A Torre é mística e está situada no centro do mundo médio onde os feixes de 12 portais se cruzam, cada um destes portais é protegido por um guardião místico representados por animais. Estes portais são portas mágicas capazes de conduzir a outros mundos (outros quandos). Não vou contar aqui mais detalhes sobre a Torre Negra, quem quiser descobrir terá que ler os 7 livros como eu fiz. Mas posso dizer que ela é mais que uma simples torre. O ultimo livro revela o motivo de ela atrair tanto o pistoleiro e qual a principal função dela na vida de Roland de Gilead. O que acaba nos surpreendendo.
Stephen King como em todos seus outros livros consegue prender nossa atenção com muito suspense, é um autor capaz de descrever o funcionamento da mente humana como nenhum outro, seus personagens com transtornos psicológicos e o funcionamento dessas mentes doentias.
A Torre Negra já foi adaptada para os quadrinhos, com ilustrações belíssimas e futuramente será adaptada para o cinema junto com uma série. Também haverá um jogo.
Só espero que os roteiristas tenham capacidade de seguir a história como ela é contada nos livros e não modifiquem como muitos fazem ao adaptar uma obra para o cinema. Os roteiristas já fizeram muitas cagadas ao adaptar obras modificando a história. Também espero que os produtores dos filmes levem o projeto até o fim e não repitam a palhaçada que foi feita com Eragon, Bussola de Ouro, entre outros filmes que além de não seguirem a história original ficaram incompletos e suas sequências não serão mais produzidas. Espero que respeitem esta grande obra que é a Torre Negra. Encerro com o cumprimento de Roland de Gilead:

“Longos dias e belas noites”.

Os livros são:
A Torre Negra vol. I – O Pistoleiro
A Torre Negra vol. II – A Escolha dos três
A Torre Negra vol. III – As Terras Devastadas
A Torre Negra vol. IV – Mago e Vidro
A Torre Negra vol. V – Lobos de Calla
A Torre Negra vol. VI – Canção de Susannah
A Torre Negra vol. VII – A Torre Negra


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...